O vice-presidente do Milan, Adriano Galliani, confirmou hoje que viajará amanhã para Madri para tentar fechar a contratação do atacante brasileiro Ronaldo, do Real Madrid, uma vez que as partes estão separadas por "apenas 1 milhão de euros" (cerca de R$ 3 milhões).

"Irei amanhã à Espanha, onde tenho uma reunião à tarde (15h de Brasília) com o presidente de Real Madrid. Apenas 1 milhão de euros nos separam", comentou Galliani, antes do confronto entre Milan e Parma pela rodada de hoje do Campeonato Italiano.

A quantia que separa o Real Madrid e o Milan deve-se ao fato de o clube madrileno solicitar sete milhões de euros pela transferência de Ronaldo, enquanto o milanês ofereceu até agora apenas seis milhões pelo brasileiro.

O vice-presidente do Milan se mostrou "confiante em voltar na manhã de terça-feira a Milão com Ronaldo, que na tarde do mesmo dia já deveria estar à disposição do técnico Carlo Ancelotti".