enkontra.com
Fechar busca

Notícias

Pancada forte!

Um morre e cinco ficam feridos em acidente com carro de prefeitura na BR-277

  • Por Redação / Tribuna do Paraná
Foto: Divulgação/PRF.

Um grave acidente no quilômetro 165 da BR-277 em Palmeira, nos Campos Gerais, deixou uma pessoa morta e ao menos cinco feridas. O acidente aconteceu por volta das 6h15 da madrugada desta terça-feira (25) e envolveu um carro secretaria de saúde da prefeitura de Marquinho e um caminhão bi-trem.

+Leia mais! Delegacias funcionam normalmente nesta terça-feira. Alunos têm aulas parcialmente!

O acidente ocorreu quando o veículo seguia da cidade de Marquinho para Curitiba, com pacientes de diversos hospitais. Entre os feridos está um menino de 12 anos que seguia para tratamento no Hospital Pequeno Príncipe. O motorista do veículo recusou atendimento médico.

Foto: Divulgação/PRF.

Foto: Divulgação/PRF.

Em determinado momento da viagem, o carro da secretaria bateu na traseira do caminhão, que estava carregado com milho. As vítimas foram encaminhadas para hospitais da região. O carro era um Chevrolet modelo Spin, que tem capacidade para sete pessoas.

A cidade de Marquinho é localizada na região centro-sul do Paraná e fica a cerca de 300 quilômetros da capital.

+ Fique esperto! Perdeu as últimas notícias sobre segurança, esportes, celebridades e o resumo das novelas? Clique agora e se atualize com a Tribuna do Paraná!

Receita de família: sorveteria de Curitiba é sucesso há 40 anos entre os clientes

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

6 Comentários em "Um morre e cinco ficam feridos em acidente com carro de prefeitura na BR-277"


Gabriela Moraes
Gabriela Moraes
1 mês 28 dias atrás

Para bater na traseira e fazer esse estrago com certeza estava muito acima da velocidade para a condição da estrada, Até parece que bateu de frente.

Oscar Aglio
Oscar Aglio
1 mês 28 dias atrás

Como disse o Groot, local sujeito a nevoeiro forte nessa época do ano, especialmente em dias em que há grande diferença de temperaturas entre dia e noite. O motorista provavelmente seguia em velocidade incompativel com a pista simples, e a condição climática. Simples assim

LUIZ  MAIOR
LUIZ MAIOR
1 mês 28 dias atrás

A culpa é dos prefeitos dos municípios porque cada um recebe do estado uma verba para saúde e mesmo assim mandam pacientes para a capital, ou seja, recebem o dinheiro e não usam para os devidos fins.

Galego
Galego
1 mês 28 dias atrás

Achou que estava ‘pilotando’ uma ambulância! O culpado foi o motorista do caminhão que estava lento!!!

REINALDO  .
REINALDO .
1 mês 28 dias atrás

Esses veículos que transportam pessoas com necessidades de atendimentos médicos na capital, não recebem um treinamento qualificado para esses translado, dirigem como se fosse qualquer veículos e dá nisso.

Alto De Tantas Glórias
Alto De Tantas Glórias
1 mês 28 dias atrás

Se não tem visibilidade, diminuí a velocidade para ter tempo de reação! Mas no estado que está o carro já diz que a velocidade não era pouca! E ainda mais se é uma pessoa da região deveria saber

wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas