Curitiba registrou inflação de 0,7% na terceira quadrissemana de dezembro, segundo o Índice de Preços ao Consumidor (IPC), pesquisado pelo Ipardes. O resultado representa alta em relação a segunda prévia, quando a inflação foi estimada em 0,43%. O índice foi calculado nos últimos 30 dias terminados no último dia 23.

O grupo Transporte e Comunicação continuou sendo o de maior influência para o índice, tendo apresentado alta em seus preços na ordem de 1,24%. De acordo com o técnico do projeto IPC, Gino Schlesinger, se o grupo tivesse se mantido estável, o índice da terceira quadrissemana teria ficado em 0,4%.

O técnico afirma ainda, que o índice da prévia só não foi maior pela queda de 0,28% nos preços do grupo Alimentos e Bebidas.

Os itens que mais contribuíram para a composição do índice apresentaram as seguintes variações: automóvel de passeio e utilitário usado (2,13%), almoço e jantar (2,28%), casas noturnas (10,47%), excursão turística (12,33%), batata inglesa (-21,72%) e gasolina (2,56%).