O Supremo Tribunal Federal (STF) determinou nesta quinta-feira (19) o bloqueio de bens de cerca de 50 envolvidos na Operação Furacão da Polícia Federal que aconteceu na última sexta-feira e investiga o esquema de exploração de jogo ilegal e venda sentenças judiciais. O pedido foi feito pela PF.

Na operação foram presas 25 pessoas, que estão na Superintendência da PF, em Brasília. As informações são do Jornal Hoje, da TV Globo, mas a nota ainda não foi divulgada do site do STF.