Brasília – O mandado de segurança que pede a suspensão da cassação do mandato de Roberto Jefferson será avaliado pelo ministro do Supremo Tribunal de Federal (STF), Celso de Melo, e pode ser votado hoje (15), afirma a assessoria de imprensa do tribunal.

Os advogados de Jefferson afirmam que o ex-deputado teve seus direitos de defesa "cerceados e constrangidos" e, por isso, pedem a suspensão da cassação.

Ontem, a defesa do deputado também pediu que o STF suspendesse a sessão da Câmara dos Deputados que cassou o mandato de Jefferson, mas o pedido foi negado.