Brasília – O Ministério da Justiça e a Embaixada do Reino Unido no Brasil lançaram hoje, em Brasília, o manual “Administração Penitenciária: uma abordagem de Direitos Humanos”. O manual descreve os procedimentos recomendados por acordos internacionais para todos os aspectos da vida nos presídios, especialmente no que se refere ao tratamento de pessoas presas. Ressalta que fazer uma administração ética, que respeite os direitos humanos, é o modo mais eficaz e seguro de administrar uma penitenciária.

O ministro da Justiça, Márcio Thomaz Bastos, elogiou o manual afirmando que era uma importante ferramenta de educação para o servidor. “O que nós queremos dentro do plano modesto é construir um sistema prisional, se não melhora os presos, pelo menos não os corrompa, nem os degrade, nem os piore”, afirmou.

Serão editados 40 mil exemplares para serem distribuídos aos servidores de penitenciárias de todo o país.