O líder do PFL no Senado, José Agripino (RN), anunciou que pedirá à Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) dos Bingos uma acareação entre o chefe do Gabinete Pessoal da Presidência da República, Gilberto Carvalho, e o médico oftalmologista João Francisco Daniel, irmão do prefeito de Santo André, no Grande ABC (SP), Celso Daniel, que foi assassinado.

Agripino fez o anúncio ao sair da sessão fechada da CPI em que Carvalho, acusado por Francisco Daniel de recolher propinas de empresas para o PT, presta depoimento e nega a acusação. Segundo o líder do PFL no Senado, a acareação é a única forma de se saber quem tem razão. "Ele desqualificou, menosprezou o depoimento de João Francisco. Ele não leva (o depoimento) a sério", relatou.