O bote errado a um sargento do Batalhão de Patrulha Escolar Comunitária (BPEC) “deu ruim” para dois bandidos, um deles acabou baleado e o outro foi preso. A ação aconteceu no começo da manhã desta segunda-feira (11), no cruzamento das ruas Francisco Negrão com Miguel Romanel, no bairro Água Verde, em Curitiba.

Segundo o tenente Bianchi, sem farda, o sargento seguia, para o trabalho, onde coordena o policiamento, quando foi abordado pela dupla. “Eles deram voz de assalto e um deles disse que estava armado. O sargento tentou contornar a situação, mas o bandido o ameaçou, ele sacou a arma e reagiu”, explicou.

Na tentativa de fuga, um dos bandidos foi baleado na perna e o outro acabou se entregando. O baleado foi socorrido pelo Siate, encaminhado, sem risco de morte, ao Hospital do Trabalhador (HT) e depois deve ser levado à delegacia. Já o preso foi levado à Central de Flagrantes.

Segundo os policiais, os dois envolvidos na tentativa de assalto tinham 27 e 47 anos e já tinham uma extensa ficha criminal. Um deles até já esteve preso por homicídio e o rapaz que escapou ileso, inclusive, estava com uma tornozeleira eletrônica. “Tentaram assaltar a pessoa errada”, considerou o tenente.

Quadrilha vendia drogas no Batel com máquina de cartão. Era débito, crédito ou parcelado