enkontra.com
Fechar busca

Segurança

Polícia em ação!

Pet Shop maltratava e utilizava fama pra vender animais em Curitiba

  • Por Redação / Tribuna do Paraná
Foto: Divulgação/ Polícia Civil
Foto: Divulgação/ Polícia Civil

Uma rede de pet shops é alvo de uma grande operação da Polícia Civil na manhã desta terça-feira (13), em Curitiba e região metropolitana. Segundo as investigações, sócios e funcionários da empresa são suspeitos de maus-tratos a animais, estelionato e falsificação de documentos privados.

+Viu essa? “Falam que sou vagabunda, que vivia em festas. A realidade não é essa”, confira na íntegra a entrevista com Allana Brittes!

Realizada em Curitiba e São José dos Pinhais, a operação tem policiais fazendo buscas nos bairros Batel, Hauer, Portão, Boqueirão, Pinheirinho, Centro e Campo Comprido, sendo que dois dos locais são em shoppings de Curitiba. Já na RMC, as buscas acontecem no bairro Faxina e no Centro de SJP. De acordo com a Polícia Civil, a empresa investigada, que não teve o nome revelado, atua na venda de filhotes de cães de raça, tem canil e clínica veterinária.

Foto: Divulgação/ Polícia Civil

Foto: Divulgação/ Polícia Civil

Fama pra lucrar

O grupo, explicou a Polícia, se utilizava da estrutura e da fama consolidada para ludibriar clientes, que adquiriram animais a alto custo acreditando em sua procedência, mas na verdade recebiam animais com problemas. Na maioria das vezes com doenças pré-existentes e com emissão de “pedigree” falso.

Há indícios de que os animais ofertados pela empresa investigada sofriam maus-tratos. A investigação aponta que eram submetidos a condições degradantes de sobrevivência, passando finais de semana sem alimentação e higiene adequada.

E os cachorros?

Ao todo foram resgatados 72 cães com sinais de maus-tratos e em condições degradantes de sobrevivência. Eles chegavam a passar o final de semana todo sem comida. Algumas cadelas estão prenhas e o número pode aumentar ainda mais. Agora, 50 deles que precisam de atendimento receberão cuidados especiais pela Clínica da Casa do Produtor – Vet Produtor.

Foto: Divulgação/ Polícia Civil

Foto: Divulgação/ Polícia Civil

 

Cansada do descaso, jovem dá puxão de orelha na prefeitura de Curitiba

 

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

40 Comentários em "Pet Shop maltratava e utilizava fama pra vender animais em Curitiba"


Carlos Gomes
Carlos Gomes
7 dias 1 hora atrás

Tem tanto cão “di gratis” disponível para quem quer, que não chega a dar dó de quem pagou a mais só por um papel alegando pedigree e por um “tipo” específico de cão

Flavio Steiner
Flavio Steiner
7 dias 5 horas atrás

E o nome? Com medo de perder verba de propaganda

GEISON STACHESKI
GEISON STACHESKI
6 dias 19 horas atrás

SNOW DOG, VAMOS DIVULGAR!!!!!!!!!!

Joaquim Xavier
Joaquim Xavier
7 dias 4 horas atrás

E os pet shops em comum nesses dois é uma tal de Snow Dog. E essa loja tem uma clínica no Hauer. Bom, não estou acusando, só estou deduzindo eliminando as possibilidades, já que a PC não quis divulgar…

Joaquim Xavier
Joaquim Xavier
7 dias 4 horas atrás

Por eliminação, a matéria entregou os bairros. Desses, dois foram em shoppings. Os shoppings possíveis que tem pet shop dentro são o Park Shopping, Crystal, Cidade, Palladium e Mueller. Desses, os que tem da mesma rede de Pet Shop são o Crystal e Cidade.

Domingos Jorge Velho
Domingos Jorge Velho
7 dias 5 horas atrás

Lá no meu bairro deve ter cerca de uma centena de cachorros vivendo abandonados nas ruas, como eles não são de raça ninguém se importa. Agora falou em animais de alto valor, nunca falta, ONG, canil, abrigo para eles.

MAIOR DO ESTADO
MAIOR DO ESTADO
7 dias 4 horas atrás

essas ong são uma piada… esses dias tentei adotar um gato disseram que eu só podia adotar se tivesse rede de proteção em todas as janelas… Falei deixe ai nessa gaiola então deve ser melhor…

abri o olx e achei uns 200 pra adoção… foi só escolher…

Renan Machado
Renan Machado
7 dias 2 horas atrás

“Maior do Estado”, gato hoje em dia não pode mais ter acesso à rua. Tem uma epidemia gravíssima de duas doenças contagiosas e sem cura, FIV e FELV. Meu gato morreu de Felv, foram milhares de reais em veterinário e só sofrimento. Faça teste de FIV e FELV no veterinário do gato que você adotou.

JOAQUIM  TEIXEIRA IRA
JOAQUIM TEIXEIRA IRA
6 dias 8 horas atrás

Sem falar da PIF e da Esporotricose. Faça uma pesquisa, Maior do Estado e veja ao que seu gato está sujeito por andar nas ruas. Não é frescura. É fato. Eu canso de levar gatos de uma ong com esporotricose para tratamento gratuito na PUC. É de cortar o coração. Ferida horrível na face e patas.

JOAQUIM  TEIXEIRA IRA
JOAQUIM TEIXEIRA IRA
7 dias 3 horas atrás

E eles não ficam em gaiolas. Eles vivem em gatis, onde há espaço suficiente para suas atividades, locais limpos para defecar e urinar e comida de boa qualidade. Pesquise e verá que a maioria é de gente séria, que dedica suas vidas e dinheiro pela causa, sem receber nada em troca.

MAIOR DO ESTADO
MAIOR DO ESTADO
6 dias 22 horas atrás

a maioria vive de doações.. principalmente de ração… e a maioria das doações que vi era ração da mais jaguara que existe… daquelas de vintão quinze quilos.. ninguém doa Royal Canin…

a propria SPA que era no santa candida era um xiqueiro… fui varias vezes doar ração lá e era um nojo

JOAQUIM  TEIXEIRA IRA
JOAQUIM TEIXEIRA IRA
7 dias 3 horas atrás

Parece piada, mas não é. Dos gatos adotados com acesso às ruas, boa parte registra acidentes com outros animais, atropelamentos e principalmente, envenenamento. Não é por frescura. Há uma base séria para isso. Mas, se adotou noutro lugar fez sua boa ação da mesma forma. Um gato é um amigo eterno.

MAIOR DO ESTADO
MAIOR DO ESTADO
6 dias 22 horas atrás

por isso castram.. quando peguei a primeira coisa que fiz foi vacinar e castrar… agora rede da janela é demais…

LUIZ  MAIOR
LUIZ MAIOR
7 dias 5 horas atrás

Mas tudo bem, se a imprensa e a policia não querem divulgar o nome da empresa envolvida, tenham certeza que o povo vai se unir para descobrir o nome e já já estará nas redes sociais. É questão de tempo viu autoridades.

GEISON STACHESKI
GEISON STACHESKI
6 dias 19 horas atrás

SNOW DOG É O NOME DA FARSA, VAMOS DIVULGAR…

JOAQUIM  TEIXEIRA IRA
JOAQUIM TEIXEIRA IRA
7 dias 5 horas atrás

Com toda certeza, Vanderlei. Mas também tem muita denúncia falsa, para prejudicar a concorrência, principalmente se o denunciante é chegado da cúpula das “otoridadis” ou algum cliente poderoso, porque quem gasta em cães tem dinheiro alto, que ficou insatisfeito e … Prefiro aguardar o final.

GEISON STACHESKI
GEISON STACHESKI
6 dias 19 horas atrás

SNOW DOG, É O NOME DA FARSA…

wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas