Um homem, com cerca de 20 anos, morreu na tarde desta segunda-feira (9) em um confronto com a polícia no Tatuquara, em Curitiba. Ele era suspeito de roubar uma caminhonete modelo Hilux. O policial foi ferido com um tiro na mão, mas passa bem e não precisou ser encaminhado ao hospital. A ocorrência foi na Rua João Batista Bettega Júnior, quase no cruzamento com a Linha Verde (BR-116), e provocou congestionamento no tráfego da rodovia, por volta das 15h50.

Segundo o capitão Cleverson Faustino, da Polícia Militar (PM), o veículo havia sido roubado na manhã desta segunda-feira, no Santa Cândida. A caminhonete tinha rastreador e circulava por Curitiba. Uma equipe em patrulhamento na Linha Verde identificou o veículo e checou a placa.

+ Leia mais: Metalúrgico morre no casamento do filho ao ver irmão ser esfaqueado

“Ao confirmar o indicativo de furto no sistema, a equipe tentou fazer a abordagem a pé. O veículo estava parado por causa do semáforo. Ao perceber os policiais, o indivíduo ainda tentou arrancar, batendo em outros carros, e a arma foi avistada. A equipe acabou tendo que revidar contra o suspeito. Agora, aguardamos a chegada a perícia para fazer as análises do local”, informou.

Sem identificação

Ate por volta das 17h, o suspeito ainda não havia sido identificado para checagem de possíveis passagens criminais. Também não havia confirmação de que ele seria o autor do furto ou se estaria apenas fazia o traslado do veículo a pedido de outros envolvidos. “Todo esse levantando será feito”, disse Faustino.

Um policial acabou ferido na mão. Foto: Atila Alberti/Tribuna do Paraná.
Um policial acabou ferido na mão. Foto: Atila Alberti/Tribuna do Paraná.

A PM informou que um soldado da equipe ficou ferido na mão, durante a troca de tiros. Ele recebeu curativos dos socorristas do Siate e não precisou ser encaminhado aos hospital.

+Leia também: Desabamento de marquise assusta população no Centro de Curitiba!

O Siate também trabalhou para socorrer o suspeito, mas o óbito foi constatado. Após a perícia, o corpo será recolhido para o Instituto Médico-Legal de Curitiba (IML).

O trânsito na Linha Verde, sentido Sul, seguia lento a publicação desta matéria, por volta das 17h.

Foto: Atila Alberti/Tribuna do Paraná.
Um congestionamento se formou na Linha Verde, após a troca de tiros. Foto: Atila Alberti/Tribuna do Paraná.

Tarifa diferenciada e bilhete único são aprovados em primeiro turno em Curitiba