Um motorista de aplicativo foi surpreendido durante um assalto quando, além da arma, os criminosos sacaram uma máquina de cartão em Colombo, Região Metropolitana de Curitiba (RMC), no último domingo (18). O condutor de 65 anos foi rendido por dois homens que, além de levarem cerca de R$ 140 e um celular, utilizaram uma máquina de cartão para completar o crime. A máquina foi usada para que os assaltantes tivessem acesso à senha do cartão de crédito da vítima. Para isso, eles forçaram o condutor a fazer uma “compra” no valor de R$ 40 dentro do próprio carro.

O cartão de crédito era do aplicativo 99, com o qual o motorista trabalha, e que é semelhante ao de um banco: o usuário pode usá-lo como de outras bandeiras financeiras para compras. Logo depois do assalto, o motorista bloqueou o cartão com o aplicativo, o que impediu que o prejuízo fosse ainda maior.

A ação aconteceu quando o motorista foi acionado para uma corrida . Dois jovens entraram no veículo e um deles falou que havia esquecido a carteira em casa e pediu para que o condutor desse a volta no quarteirão. Foi quando eles anunciaram o assalto, rendendo o condutor com uma arma. Após pegarem o dinheiro, a dupla fez o motorista passar o cartão na máquina na frente deles para terem certeza dos números da senha.

O motorista registrou Boletim de Ocorrência na Delegacia de Polícia Civil no Alto Maracanã segunda-feira (19). De acordo com o filho da vitima, a ousadia de os ladrões usarem uma máquina de cartões foi o que mais chamou a atenção. “Passaram o cartão na máquina na frente dele. Exigiram a senha para ver se era falsa ou não”, conta o filho, que também é motorista de aplicativo.

A 99 informa que além de cancelar o cartão, também prestou ajuda ao motorista. “Repudiamos a violência e lamentamos profundamente o ocorrido. Em nosso contato com a vítima, prestamos toda assistência. Além disso, estamos abertos para colaborar com as autoridades”, comunica a empresa em nota.

Não ao assédio!