Dois homens morreram em confronto com policiais da Rondas Ostensivas de Natureza Especial (Rone), na noite desta quinta-feira (7), no Rebouças, em Curitiba. Segundo os policiais, a dupla era suspeita de um assalto à residência e tentava fugir pulando muros quando foi flagrada. Além de objetos roubados, uma arma também tomada em assalto foi apreendida.

A ação da Polícia Militar (PM) começou por volta das 22h30, depois que uma ligação denunciava o roubo em uma casa na Rua Baltazar Carrasco dos Reis, próximo à esquina com a Rua Nunes Machado. A informação era a de que os dois homens já tinham escapado, mas ainda estavam na vizinhança.

Os policiais chegaram rapidamente e começaram a fazer buscas pelas casas e na Rua Nunes Machado encontraram um dos homens nos fundos de uma casa. Conforme a PM, ele estava com uma arma nas mãos e não acatou ao pedido dos policiais para que largasse o revólver, o que fez com que os PMs atirassem e ele ficou ferido.

Na casa ao lado, o outro assaltante se escondia e, também armado, reagiu à ordem dos policiais. O homem atirou várias vezes e foi baleado no revide dos PMs. O Siate chegou a ser acionado, para tentar salvar a vida de ambos os suspeitos, mas os dois morreram.

Com a dupla, os policiais encontraram alguns objetos roubados. Uma das armas tinha registro e tinha sido levada em outro assalto, em outubro, em uma das casas que os bandidos voltaram na noite desta quinta-feira. Tudo foi entregue à Polícia Civil e os corpos dos dois homens foram recolhidos ao Instituto Médico-Legal (IML) de Curitiba.