Proprietário de um centro automotivo em Araucária, na Região Metropolitana de Curitiba (RMC), Robison de Mello Crispim Maia, 39 anos foi morto com pelo menos 6 tiros na cabeça durante a tarde desta sexta-feira (2), feriado de Finados.

O crime aconteceu no próprio estabelecimento de sua propriedade e, segundo informações da Polícia Militar, Robison estava trabalhando quando três indivíduos com tocas balaclava chegaram no local em um veículo Kia Soul, se identificaram como policiais e efetuaram vários disparos na vítima.

Logo após o crime, o trio fugiu e abandonou o veículo em uma rua paralela,  a cerca de 800 metros do local do crime, onde tentaram atear fogo no carro que possui alerta de roubo.

Veículo utilizado no crime foi abandonado nas proximidades do local logo em seguida. Foto: Marco Charneski/Tribuna do Paraná
Veículo utilizado no crime foi abandonado nas proximidades do local logo em seguida. Foto: Marco Charneski/Tribuna do Paraná

+ APP da Tribuna: as notícias de Curitiba e região e do trio de ferro com muita agilidade e sem pesar na memória do seu celular. Baixe agora e experimente!

Conversas de Whatsapp apontam que filha de suspeito fez contato com família de jogador