Um homem e a enteada foram baleados no final da noite desta quarta-feira (31), dentro de casa, em Almirante Tamandaré, na Região Metropolitana de Curitiba (RMC). O homem, de 39 anos, morreu na hora e a menina, de 15, foi socorrida, mas corre risco de morte. A polícia acredita que uma discussão por causa de lixo possa ter motivado o crime.

A ação aconteceu por volta das 22h, na Rua Bracatinga, no bairro Chico Mendes. Segundo as testemunhas, um homem armado invadiu a casa da família dizendo que “cagueta tem que morrer” e começou a disparar.

Logo depois dos tiros, o homem saiu do local. Os vizinhos, que não souberam dizer como o atirador fugiu, tentaram ajudar os dois baleados. Gelson Hartmann não resistiu. Já a menina foi socorrida pelos próprios moradores e encaminhada a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da cidade, de onde foi levada para o Hospital Cajuru, em Curitiba.

Conforme a polícia, Gelson não tinha antecedentes criminais e o crime pode estar relacionado a uma discussão que o homem teve por causa de lixos que eram jogados num terreno ao lado da casa em que morava. A esposa dele não estava em casa no momento em crime e ela pode ajudar os investigadores de Almirante Tamandaré a descobrir o que aconteceu e quem seria o atirador.

Suspeitos dizem que gastaram dinheiro de roubo a posto com prostituição