Rio de Janeiro – O secretário nacional de Segurança Pública, Luiz Fernando Corrêa, deverá se reunir com representantes do Ministério da Defesa e das três forças armadas, na próxima segunda-feira (7), para discutir o uso de militares na segurança das ruas do Rio de Janeiro.

Segundo a assessoria de imprensa da Defesa, a reunião foi solicitada pelo próprio Ministério, que deseja obter mais explicações e detalhes antes de autorizar ou rejeitar o plano.

O plano de utilização das forças armadas no esquema de segurança pública do Rio de Janeiro foi apresentado pelo governo estadual, mas foi aprovado pelo Ministério da Justiça na última semana.

O governo do Rio de Janeiro pretende usar militares do Exército, Marinha e Aeronáutica no patrulhamento de pontos estratégicos da Região Metropolitana do estado, além do empréstimo de equipamentos militares para as polícias fluminenses.