O Dia Nacional de Doação de Leite Humano é comemorado em primeiro de outubro, mas o ministério da Saúde decidiu adiar a programação por causa das eleições municipais. Como parte da programação, o ministério lança nesta quarta-feira (15) a campanha nacional de doação de leite humano. A madrinha da campanha é a atriz Cláudia Raia, que doou leite durante o nascimento de seus dois filhos. No slogan da campanha "Eu doei leite materno. Doe você também", a artista incentiva a doação.

De acordo com a coordenadora de Saúde da Criança e Aleitamento Materno do ministério da Saúde, Alexia Luciana Ferreira, a mulher brasileira é solidária e tem como hábito doar leite. "O que é importante, e o que a gente quer com a campanha, é difundir mais essa prática de levar informações para as mulheres que incentivem a doação de leite humano", explica a coordenadora.

Alexia Ferreira destaca ainda que o Brasil possui um serviço excelente de rede de bancos de leite (180), que inclusive já recebeu um prêmio da Organização Mundial de Saúde (OMS). Tem toda uma estrutura montada. Os bancos têm condições de buscar o leite coletado na casa da doadora, de processar de forma adequada e conservar o produto", informa Alexia.

Todas as mulheres sadias conseguem produzir leite para alimentar seus filhos e ainda doar, sobretudo a partir do terceiro ao quinto dia após o parto, quando o peito ingurgita, "o leite empedra". Para doar, no entanto, as interessadas passam por avaliação médica-epidemiológica. Estão impedidas de doar leite as mulheres portadoras de doenças, que façam uso de medicações, que sejam alcoólatras ou fumem mais de dez cigarros por dia.

A coordenadora de aleitamento materno dá algumas dicas sobre como fazer doação de leite humano. "Para doação é importante que a mulher identifique que tem excesso de leite. A higiene é a cotidiana que a mulher adota, não há necessidade de nenhum cuidado mais excepcional. Que ela faça a ordenha manual, utilizando máscara e touca fornecidas pelo banco de leite gratuitamente, para que não haja contaminação. O leite coletado pode ser conservado por 24 horas na geladeira ou 15 dias no congelador. A mulher pode ligar para o banco de leite, que se encarregará de buscar o produto coletado", conclui.

Em 2003 foram coletados em todo o país 71 mil litros de leite humano que garantiram a saúde de 100.960 bebês.