Depois de fazer cara feia e ameaçar deixar o Real Madrid no fim da temporada européia, cansado de ser relegado à reserva pelo técnico Fabio Capello, o atacante Robinho agora está em lua de mel com o técnico e o clube, e ainda acredita na conquista do título do Campeonato Espanhol, embora o Real esteja a cinco pontos do líder Barcelona.

"Estou vendo que Capello começa a confiar em mim. Sempre que ele me escalar tenho de mostrar em campo que mereço um lugar", disse Robinho, que no domingo saiu do banco de reservas e marcou, de cabeça, o gol da vitória por 2 a 1 sobre o Celta. Na rodada anterior, ele também havia entrado no segundo tempo e mudado o time na vitória por 2 a 0 sobre o Gimnástic. "Estou trabalhando muito, a cada dia mais adaptado e com muita vontade de triunfar no Real Madrid", completou.

Robinho acredita que o Real chega em alta para as últimas dez rodadas do Espanhol. "Estamos jogando bem e obtendo bons resultados. Não há diferença entre nós e o Barcelona, mostramos isso quando os enfrentamos", disse, lembrando que a equipe obteve contra os rivais uma vitória por 2 a 0, em casa, e um empate por 3 a 3, na Catalunha. "O que temos de fazer é vencer os jogos que temos pela frente sem se importar com os outros times.

Para o zagueiro italiano Cannavaro, a chave do Real é aproveitar bem os jogos em casa. "Podemos ser campeões, mas temos de ganhar os jogos em casa, normalmente um time joga melhor diante de sua torcida e conosco isso não acontece", explicou, pedindo aos colegas que dêem o máximo para agradar à torcida. "Podemos ganhar ou perder, mas a torcida gosta é de quem corre e luta, então vamos lutar até o fim." Até agora, o Real tem 29 pontos conquistados em 15 jogos como visitante, e 22 nos 13 jogos no Bernabéu.