Massa feita de pinhão com molhos saborosos para acompanhar. É para aproveitar a farta época da semente e a necessidade de representar o Estado com um produto genuinamente paranaense no Salão de Turismo, em São Paulo, que o restaurante Armazém Italiano criou um prato que tem como principal ingrediente a semente da araucária: o nhoque de pinhão.

Além de nutritivo, o pinhão dá um toque especial à receita originalmente italiana. A semente é moída e incorporada na massa, dando um toque especial ao prato. O ideal é que o nhoque seja servido com molhos mais leves, para valorizar o sabor do pinhão, como por exemplo, os molhos Alfredo e Pomodoro. ?O prato foi aprovado com unanimidade pelos integrantes da Secretaria de Turismo?, afirma o proprietário do restaurante, Bruno Draghi. Tanto, que esse foi o prato sondado para representar o Paraná no Salão do Turismo, que vai acontecer de 01 a 05 de junho, em São Paulo. Além do nhoque de pinhão, outro prato que pode representar o Paraná neste evento é o tradicional barreado.

Durante o inverno, os clientes poderão saborear o prato toda terça-feira no restaurante Armazém Italiano. Uma ótima combinação é com um bom vinho tinto demi-sec. ?É um vinho não tão incorporado e doce, quase toando para o seco, o que evita que a bebida interfira no gosto do pinhão?, explica Draghi.


Nutrição na Antigüidade

Registros arqueológicos encontrados aqui no Paraná, revelam que, desde a antigüidade, o pinhão já era consumido pelas populações indígenas que viveram na região sul do Brasil. Pesquisas encontraram restos de casca de pinhão misturados ao carvão das fogueiras feitas naquela época por antigos habitantes das florestas de araucária. Foram encontrados ainda, depósitos de restos de pinhões feitos com argila, com intuito de conservar a semente por mais tempo e proteger o alimento da deterioração pelo clima e de ataques de animais.

Atualmente, além de ser um aperitivo nas festas de São João realizadas no Paraná, o pinhão é introduzido em diversas receitas, trazendo um sabor peculiar a pratos que aparentemente são simples, mas que se tornam muito saborosos quando feitos com pinhão.