O governador Roberto Requião visitou, nesta sexta-feira (13) à noite, a VI Feira Sabores do Paraná, que segue até domingo (15) no Centro de Exposições do Parque Barigüi, em Curitiba. Durante a visita, o governador percorreu os estandes dos agricultores familiares de todas as regiões do estado, que participam do evento. ?A Feira abre espaço para aquelas pessoas que já têm uma iniciativa?, comentou Requião.

O governador quis saber a opinião dos expositores sobre o evento. De acordo com todos os agricultores familiares questionados, a Feira Sabores do Paraná ?está um sucesso?. Requião ouviu vários comentários que traduziram a satisfação dos participantes. Os produtores elogiaram a organização da Feira e demonstraram estar contentes com o movimento dos negócios realizados desde o primeiro dia do evento, que teve início na quarta-feira (13).

Na ocasião, o governador também fez questão de conhecer mais sobre o processo de produção das agroindústrias e elogiou a diversidade e a qualidade dos produtos apresentados. Durante conversa com um grupo de produtores, Requião perguntou se os alimentos deles já são comercializados nas gôndolas e pontos de venda dos supermercados das várias regiões do Paraná. Ao obter a resposta afirmativa, o governador lembrou a importância do abastecimento, nas gôndolas, ser uma constante.

Ao comentar os esforços do Governo do Estado em levar os produtos da agroindústria familiar a um maior número de consumidores, Requião falou sobre a importância das gôndolas como meio de comercialização. Segundo ele, a utilização da gôndola foi a maneira encontrada para fazer com que o produto da agroindústria familiar seja mais conhecido e facilmente disponível ao consumidor.

Ao terminar a visita, Requião comentou sobre a importância da Feira para a agricultura familiar do Estado. ?Temos que ter em mente que 75% da produção agrícola são provenientes da agricultura familiar?, lembrou. O governador também destacou o trabalho do Governo do Estado em benefício dos pequenos agricultores. Para ele, a Feira traduz o apoio dado à agricultura familiar do Paraná. ?Aqui, temos a dimensão exata do que significa o esforço da Emater e da Secretaria da Agricultura e do Abastecimento?, concluiu.

Feira

A VI Feira Sabores do Paraná reúne 300 agroindústrias, duas cooperativas e duas associações de agricultores familiares do Estado. São mais de 3 mil itens, distribuídos em 200 estandes. Segundo os organizadores, a estimativa é de o evento movimente R$ 3,3 milhões, 10% a mais que no ano passado. Com a Feira, o Governo do Estado visa ampliar o espaço dos agricultores familiares no mercado.

O evento é uma realização do Governo do Paraná, através da Secretaria da Agricultura. Executada pela Emater e Codapar, a Feira conta com o apoio do Ministério do Desenvolvimento (MDA), Banco do Brasil, Sebrae, Conab, Agência de Fomento, Rede Condor de Supermercados, Itaipu Binacioanal e Prefeitura Municipal de Curitiba.

Os ingressos para a Feira são vendidos a R$ 4,00, com R$ 2,00 de bônus para a compra de produtos da agroindústria familiar.