O Tribunal de Contas do Estado vai encaminhar ao Ministério Público Estadual cópia do relatório de auditoria realizado na Câmara Municipal de Arapoti, relativo ao período de janeiro de 2001 a abril de 2002, onde foram encontradas diversas irregularidades, principalmente quanto a remunerações de vereadores e pagamentos realizados naquele período. Resolução neste sentido foi aprovada por unanimidade na sessão plenária de hoje, acompanhando o voto do relator, conselheiro Heinz Georg Herwig. (Leia mais na edição de amanhã do jornal O Estado do Paraná)