A Receita Federal recebeu até esta sexta-feira 42 milhões de declaração de isento. Como são esperadas 50 milhões de declarações, a Receita aguarda a entrega de mais 8 milhões de documentos até o encerramento do prazo, no dia 28.

O supervisor nacional do Imposto de Renda, Joaquim Adir, alerta os contribuintes para evitarem fazer a declaração no último dia. Segundo ele, quem deixar para o final do prazo corre o risco de enfrentar filas nas lotéricas e congestionamento na internet.

A Receita espera que o volume de entrega na próxima semana fique ainda maior. Nos últimos cinco dias de entrega em 2002, a Receita recebeu cerca de 15 milhões de declarações. “Esperamos que esse bom desempenho se repita este ano”, disse Adir. Devem fazer a declaração de isento todos os contribuintes que tiveram rendimentos tributáveis de até R$ 12.696 em 2002. A declaração pode ser entregue pela internet (www.receita.fazenda.gov.br ), telefone (0300-780300), lotéricas, agências dos Correios e do Banco do Brasil (somente para correntistas). (Correio Web)