A Previdência dos militares não será tratada por lei à parte da reforma previdenciária, garantiu hoje o ministro-chefe da Casa Civil, José Dirceu. Ele chegou há pouco à Assembléia Legislativa de São Paulo, onde apresentará aos deputados a proposta de reforma tributária.

?O ministro Berzoini enviará ao Congresso Nacional a proposta de reforma da Previdência e a parte dos militares está incluída na proposta?, disse. O ministro comentou também que o governo quer avançar na discussão de temas de interesse dos servidores, como planos de cargos e carreiras, recomposição salarial e o fim da terceirização. ?Vamos avançar nessa pauta dos servidores para além da reforma da Previdência?, disse.