As caminhadas da pedagoga Sandra Zanin Cheslak pela praça Pedro Collere, Vila Izabel, estão mais seguras. A praça, antes um local abandonado e tomado pelo mato ganhou novos brinquedos no parquinho, construção de pista de caminhada, iluminação, recuperação da quadra poliesportiva, roçada e limpeza. O mesmo trabalho de recuperação foi feito pela Prefeitura de Curitiba em 19 praças da cidade .

Os investimentos municipais incluem instalação de alambrados, iluminação, construção e recuperação de canchas esportivas e pistas de caminhadas. "Caminho aqui todos os dias, mas agora parece um outro lugar. Tudo mudou, até mesmo o perfil dos freqüentadores. Antes a praça vivia cheia de vândalos, era perigoso. Depois da reforma a praça ficou cheia de famílias que moram por perto, principalmente nos fins de semana", diz Sandra.

Segundo o secretário municipal do Meio Ambiente, José Antonio Andreguetto, os investimentos da Prefeitura foram direcionados às praças que mais precisavam de atenção. "Por determinação do prefeito Beto Richa, priorizamos espaços que não eram atendidos, alguns com até mais de cinco anos sem grandes reformas", afirma Andreguetto.

O Jardim Ambiental, no Alto da XV, também passou por reformas e atraiu novos freqüentadores. Os skatistas Plínio Perito e Stanley Degraud passaram a praticar manobras de solo (uma modalidade do esporte) no novo piso da quadra esportiva da praça. A reforma foi uma das melhorias feita pela Secretaria do Meio Ambiente na praça. "O piso parecia um asfalto, era todo irregular. Perto do que era está um tapete", diz Perito.

Na mesma praça do Jardim Ambiental a fisioterapeuta Ângela Lobo Bernal leva todas as manhãs o filho Fabian para brincar no parquinho. A primeira observação da fisioterapeuta foi na melhoria das calçadas da praça, que estavam com os blocos de concreto quebrados e mal acomodados. "Ficou plana e mais segura para eu andar com meu filho", diz.

A praça do Conjunto Jequitibá, no Sítio Cercado, está como nova depois da nova iluminação, alambrados nas quadras esportivas e brinquedos infantis feitos em troncos de eucalipto. No parquinho se destacam o escorregador e a escada de cordas para escaladas. No mesmo bairro, a Prefeitura reforçou a iluminação da praça Marli Queiroz de Azevedo.

No Cabral, a Praça da Suíça está como nova. A Prefeitura de Curitiba finalizou as obras de revitalização da praça. Além de reformas, a praça também ganhou um novo piso e um portal, com elementos estilizados e representativos da Suíça, e uma pista de caminhada. Está é a primeira reforma completa da praça, que foi inaugurada em 1993.

"Tão importante quanto construir novos espaços, é resgatar os patrimônios que já fazem parte da história da cidade e do lazer das famílias", diz o secretário municipal do Meio Ambiente, José Antonio Andreguetto.

A principal intervenção foi a recuperação do painel que reproduz as bandeiras dos 44 cantões suíços. O painel de 48 metros de cumprimento por 3,5m de altura foi pintado pelo artista curitibano Augusto Gemba Rando. Com o passar do tempo a pintura se desgastou. A Secretaria do Meio Ambiente instalou cinco projetores no painel para destacar a obra.