Iniciou-se há pouco a Ordem do Dia do Plenário, que pode concluir hoje a votação dos destaques à MP 288/06, que reajustou o valor do salário mínimo de R$ 300 para R$ 350 em 1º de abril. Falta analisar os destaques feitos pelo PPS, que não participou do acordo que permitiu ontem a aprovação da MP. Conforme esse acordo, seria votado nominalmente apenas um destaque da oposição, o que ocorreu ontem. Afirmando que falta quorum para a análise dos destaques, o PPS pediu o adiamento da votação para a próxima semana.

O Plenário vota neste momento o requerimento do partido.

Reajuste para aposentados

O destaque do PPS pede a aprovação de emenda que concede o mesmo reajuste do mínimo aos rendimentos de todos os aposentados e pensionistas. "Quem se aposentou com cinco salários mínimos depois de um tempo está ganhando apenas um, isso precisa ser corrigido", afirmou o vice-líder do PPS deputado Colbert Martins (BA).