O portal de internet Universo Online (UOL) registrou lucro líquido de R$ 266,3 milhões em 2005, o que representa 875% de crescimento sobre o ano anterior. A receita líquida da companhia cresceu 8,8%, somando R$ 444 milhões. O patrimônio líquido, que estava negativo em R$ 317 milhões em 2004, passou a R$ 438 milhões positivos. No fim de 2005, o UOL tinha 1,45 milhão de usuários pagantes, sendo 586 mil de banda larga.

O presidente do UOL, Luis Frias disse hoje (10) que a companhia está preparando lançamentos de produtos e serviços para breve, como a loja virtual de música. Além disso, afirmou que lançamentos do ano passado passarão a agregar resultados: "Algumas sementes plantadas no ano passado estão amadurecendo e devem começar a mostrar resultado ainda no primeiro semestre de 2006."

O diretor-financeiro e de Relações com Investidores do UOL, Paulo Narcélio Amaral, afirmou que a empresa está observando oportunidades de mercado para aquisições. O executivo não falou em nomes, prazos ou valores. Limitou-se apenas a dizer que qualquer iniciativa nesta direção buscará empresas que possam agregar receita ao UOL e que tenham modelo de negócios baseado em cliques. A empresa terminou o ano passado com caixa líquido de R$ 334,1 milhões.

No balanço consolidado de 2005, a companhia apresentou queda de 1,22% nas despesas com vendas e redução de 6,3% nas gerais e administrativas. Amaral afirmou aos analistas que estas reduções foram obtidas, respectivamente, com corte nos gastos com marketing e com maior eficiência na cobrança por meio de boletos bancários.

Em dezembro do ano passado, o UOL abriu seu capital na Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa). A empresa vendeu ao mercado pouco mais de 20% de seu capital, por R$ 555 milhões.

O balanço de 2005 mostrou melhora substancial sobre 2004 Entretanto, o desempenho isolado dos três últimos meses do ano foi afetado por itens extraordinários, com investimento em novo sistema de gestão de cliente e até com as despesas para o lançamento inicial de ações. No quarto trimestre, o UOL registrou prejuízo líquido de R$ 6,6 milhões, comparado a lucro de R$ 25,3 milhões no mesmo período de 2004.