enkontra.com
Fechar busca

Política

Promessa

Residência de luxo do governo em ilha no Paraná vai virar escola

Em sua campanha eleitoral, Ratinho Jr prometeu “acabar com a ilha”, que classificava como exemplo de mordomia

  • Por Carlos Coelho - Gazeta do Povo
Foto: Átila Alberti/Arquivo/Tribuna do Paraná
Foto: Átila Alberti/Arquivo/Tribuna do Paraná

Fruto de um cabo de guerra entre os então dois principais candidatos ao governo do Paraná na última eleição, a Ilha das Cobras, na Baía de Paranaguá, ganhará uma escola de gastronomia e hotelaria voltada ao desenvolvimento dos profissionais que atuam no Litoral do Paraná.

+ Fique esperto! Perdeu as últimas notícias sobre segurança, esportes, celebridades e o resumo das novelas? Clique agora e se atualize com a Tribuna do Paraná!

A instalação, que funcionará na residência oficial de veraneio do Executivo estadual, foi a saída encontrada pelo governo de Carlos Massa Ratinho Junior (PSD), vencedor do pleito, para driblar um decreto assinado pela sua antecessora, Cida Borghetti (PP), que limita o poder do estado em toda a ilha.

De acordo com o governo, a residência será reformada para se transformar na escola profissionalizante. O projeto contará com parceria do Sebrae (o Senac será responsável pela elaboração dos cursos). “A ideia é transformar um espaço que era de lazer para o governador em uma escola de formação de trabalhadores da área de gastronomia e turismo especializados em comidas regionais do Litoral”, explica Renato Adur, responsável na Casa Civil  pelas políticas voltadas ao Litoral.

“Temos 14 ilhas habitadas no Litoral e o objetivo é fomentar o turismo nelas”, defende o condutor do projeto. “Queremos melhorar a qualidade para o nosso turista, de outros estados e países. Preparar esse pessoal [os profissionais da região] para dar um atendimento de mais qualidade”, diz.

De acordo com o governo, as aulas devem começar logo após a reforma da casa de veraneio – estima-se que a abertura seja no início do segundo semestre. Elas serão gratuitas e, em um primeiro momento, direcionadas aos profissionais de cozinha que já atuam na faixa litorânea paranaense. A casa deverá receber grupos de 20 alunos por vez. Eles devem permanecer em treinamento por três semanas seguidas, segundo o projeto inicial.

Solução para promessa de campanha

Foto: Aliocha Mauricio/Arquivo/Tribuna do Paraná

Foto: Aliocha Mauricio/Arquivo/Tribuna do Paraná

Embora Adur não relacione a criação da escola ao decreto limitante de Cida Borghetti, o novo uso do espaço é, de certa forma, uma saída a uma promessa de campanha do governador. Em seu primeiro programa eleitoral, Ratinho Junior prometeu “acabar com a ilha” do governador, a qual classificava como exemplo de “mordomias da velha política”. De propriedade da União, mas cedida ao governo do estado, a casa oficial de veraneio vinha sendo subutilizada e passou quase 9 anos sem receber uma hospedagem oficial – o último a utilizá-la havia sido o ex-governador Beto Richa (PSDB), em 2011.

A residência, porém, continuava gerando despesas de manutenção, como limpeza, luz, água, reparos e eventuais pinturas – o valor estimado por Adur é de quase R$ 20 mil mensais. Uma situação semelhante a outra residência oficial colocada na mira do ainda candidato Ratinho Junior: a Granja do Canguiri, em Pinhais.

Como resposta, em setembro do ano passado, a então governadora Cida Borghetti, principal adversária na eleição estadual, assinou um decreto tornando a Ilha das Cobras uma unidade de conservação na categoria Parque Estadual, com proteção integral do ambiente. A área de 52 hectares é remanescente de Mata Atlântica e parada de tartarugas marinhas. Para a pepista, a propriedade era de interesse para pesquisa e educação ambiental. Com isso, uma possível venda do espaço se tornou inviável. Cida refutou uma briga política à época, apontando que o assunto já estava sendo tratado com a União nos meses anteriores ao decreto.

Ainda não há projeto divulgado para a Granja do Canguiri.

Leilão da Setran tem carros e motos a partir de R$ 350

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

6 Comentários em "Residência de luxo do governo em ilha no Paraná vai virar escola"


Renato Aguiar
Renato Aguiar
3 meses 13 dias atrás

Nunca subestime a criatividade de políticos em criar gastosl.

PEDRO PRIMITIVO GIRARDI
PEDRO PRIMITIVO GIRARDI
3 meses 19 dias atrás

Parabéns Sr Renato Adur..o Governo Não Preçisa de Uma Ilha Para Descansar,,Que Pague como Um ser Comum do Póvo…

Paranito PentaCampeão
Paranito PentaCampeão
3 meses 23 dias atrás

Além desta, tem q se desfazer de tudo q é imóvel q tenha porai, isto é dinheiro público q esta sendo jogado no lixo. Governo nenhum tem q ter imóvel ou qlqer outra coisa pra mordomia, chega, o povão nao aguenta mais bancar tudo isso!!!

Cesar 1963
Cesar 1963
3 meses 23 dias atrás

Primeiro falou que venderia. Agora fala que vai transformar em escola duvido, se diz homem do povo mas são todos iguais Verdadeiros Gigolos do Povo.

Renato Andrade
Renato Andrade
3 meses 23 dias atrás

Cesar 1963, o importante não é saber ler. O importante é entender o que está lendo. Leia novamente a reportagem.

Julio Cesar
Julio Cesar
3 meses 23 dias atrás

Sem qualquer razão de existir, que se faça mesmo outro uso.
Governadores podem muito bem ter suas propriedades litorâneas em locais menos poluídos e movimentados por navios sem precisar botar (ainda mais) as mãos no bolso do contribuinte.

wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas