A candidatura do senador Roberto Requião (PMDB) ao governo do Paraná recebeu, hoje (15), a adesão do Partido Verde. No ato, Rubens  Hering, presidente do PV, disse que a agremiação não pretende  reivindicar cargos ou posições num futuro governo, mas Requião já  convocou o partido e as entidades ambientalistas para discutir a  reestruturação da Secretaria Estadual do Meio Ambiente, que foi criada  no seu governo.

?Agradeço o apoio do PV, um partido programático, que vem se juntar à uma frente do bem que vai administrar o Paraná, da qual já fazem parte o PT e o PPS. Tenho uma visão radical da preservação ambiental e estou horrorizado com a devastação florestal do Estado. Vamos ter que trabalhar muito para mudar a situação, ocasionada por um modelo neoliberal que não funcionou?, disse o senador, ao agradecer a adesão à candidatura.

Requião lembrou que durante seu governo, além da criação da secretaria foi aprovada a lei do Meio Ambiente e criadas 15 áreas de preservação ambiental. ?Mas, há muito a ser feito e, com urgência, daí a importância de incorporarmos hoje o PV à nossa caminhada. Temos boas pesquisas, mas será uma eleição dura, que vai depender do empenho pessoal de todos?, destacou.