Amauri Johnson (PSC), prefeito de Rio Branco do Sul, pediu demissão do cargo para escapar do processo de cassação de seu mandato.

O agora ex-prefeito é acusado de improbidade administrativa qualificada. Na quinta-feira passada (16), ele foi cassado pelo Tribunal de Justiça por 2 votos a 1 e afirmou que ia recorrer.

O vice-prefeito Emerson Stresser assume a Prefeitura.