A defesa do prefeito de Campo Mourão Nelson Tureck (PMDB) conseguiu, ontem, um efeito suspensivo na decisão do juiz James Hamilton de Oliveira Macedo, da Justiça Eleitoral Local, que cassou seu mandato por abuso de poder e uso da máquina pública.

Com o efeito suspensivo, a defesa anula a determinação do juiz de que Tureck deveria ser afastado imediatamente do cargo. Agora, o prefeito poderá recorrer ao Tribunal Regional Eleitoral ainda no exercício do mandato. Como Tureck foi eleito com mais de 50% dos votos válidos, se o TRE confirmar a cassação, terá de marcar nova eleição para o município.