PFL lança Cassio à sucessão de Requião.

À frente da oposição ao governo estadual, a cúpula estadual do PFL reuniu-se ontem com lideranças da região em Santo Antonio da Platina e lançou o prefeito de Curitiba, Cássio Taniguchi, candidato à sucessão do governador Roberto Requião (PMDB) em 2006.

Já o presidente estadual do partido, deputado federal Abelardo Lupion, foi indicado para ser o candidato ao Senado. No ano passado, o partido não teve candidato ao governo e participou da disputa fornecendo o candidato a vice-governador, o ex-secretário Lubomir Ficinski, na chapa encabeçada pelo PSDB.

O lançamento precoce de candidaturas à sucessão estadual foi justificado pelo vice-presidente estadual do partido, deputado Durval Amaral, como uma forma de o PFL marcar sua posição como principal e, no momento, única força adversária ao atual governo. “O PFL está vivo. E vai disputar com muito vigor, não apenas a próxima eleição (a do próximo ano para prefeituras e câmaras municipais), como também e principalmente a do governo. As eleições municipais são a preparação da disputa de 2006”, disse o dirigente.

Amaral afirmou que o PFL está apenas antecipando uma discussão que, em breve, estará sendo desencadeada no Paraná. “Na nossa avaliação, faltam apenas dois anos e seis meses para o Requião se desincompatibilizar do governo se ele for concorrer a algum cargo em 2006. Então, achamos que já é tempo de começar a difundir idéias”, afirmou o deputado.

Reação

Hoje, o partido se reúne em Maringá e encerra a série de encontros microrregionais que realizou em todo o Estado. A performance de ontem é uma reação à atuação do PMDB, que nos últimos meses, filiou vários prefeitos do partido. Na Assembléia Legislativa, o PFL também encolheu. Perdeu três deputados. Dois deles – Rafael Greca e Cleiton Quielse – filiaram-se ao PMDB.

Amaral disse que o “assédio” do PMDB foi devastador e que serviu para unir o PFL em torno de um projeto de volta ao poder no Estado a partir de 2006. “A distância do poder une a militância e aglutina mais as pessoas”, comentou o vice-presidente estadual do partido. No palanque do encontro de Santo Antônio da Platina, ontem, além de Lupion, Taniguchi e Amaral, estavam os deputados estaduais Plauto Miró Guimarães, Elio Rusch, o deputado federal Eduardo Sciarra, os ex-deputados Werner Wanderer e Luciano Pizzatto, presidente do partido em Curitiba.