A Polícia Federal (PF) deflagrou nesta manhã a operação “Robalo”, com o objetivo de coibir a corrupção na prefeitura de Barro, no Ceará. A quadrilha estaria envolvida em crimes de peculato, devido ao desvio de recursos públicos federais, fraudes em licitações e formação de quadrilha.

Durante as investigações, a PF descobriu indícios de prática criminosa que envolve o prefeito do município e a participação de um vereador. O dinheiro desviado seria destinado à construção de açudes. A ação é feita em conjunto com a Controladoria Geral da União (CGU) no Estado do Ceará.