O ministro das Comunicações, Paulo Bernardo, a senadora Gleisi Hoffmann e deputados federais do PT apresentaram nesta segunda-feira, 18, ao governador Beto Richa (PSDB) o relatório dos investimentos que o governo federal fará no Paraná por meio do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC).  São cerca de R$ 2 bilhões em obras de infraestrutura programadas para começar este ano até 2014.

O encontro entre os petistas e o governador tucano foi no Palácio das Araucárias, no meio da tarde. A senadora Gleisi Hoffmann disse que a conversa com Beto foi feita a pedido da ministra do Planejamento, Miriam Belchior, como parte da resposta às demandas apresentadas pelo governador paranaense ao governo federal.  

Beto esteve com a ministra e a presidente Dilma Rousseff (PT) no mês passado, quando apresentou uma lista de pedidos para o estado. “Nós vamos fazer o acompanhamento da liberação e da execução dessas obras”, afirmou a senadora Gleisi Hoffmann.

Créditos

No inventário dos investimentos futuros do governo federal no Paraná, está discriminado por obra quanto sairá dos cofres do governo federal. É uma forma de evitar que o crédito pelas obras seja apropriado pelo governo estadual, sem citar o governo federal. “Nós queremos demonstrar que  o governo federal investe no Paraná. E que não discrimina governadores de oposição”, afirmou o deputado federal Dr. Rosinha, observando que quando era prefeito de Curitiba, o governador tucano tinha por hábito faturar politicamente obras feitas com recursos do governo federal sem mencionar a participação da União.

Ainda de acordo com o deputado, o PT tem a obrigação de mostrar a fonte dos recursos. “Toda a vez que um país cresce, quem está exercendo o governo também cresce. É inevitável que os governos, o federal e o estadual, tenham o reconhecimento da população”, disse Rosinha.

Confira:

Relação dos investimentos do governo federal no Paraná