enkontra.com
Fechar busca

Política

Paraná vai indicar nomes para o Supremo Tribunal

  • Por Rosângela Oliveira

Nomes de juristas paranaenses que podem ocupar uma das três vagas no Supremo Tribunal Federal (STF) começaram a ser levantados. Um encontro promovido ontem pela Associação dos Magistrados do Paraná (AMP) reuniu operadores do Direito, líderes empresariais, políticos e docentes de diversas instituições de ensino, com o objetivo de iniciar uma discussão sobre a representatividade do Estado na esfera federal.

Três das onze vagas para ministro do Supremo foram abertas pela aposentadoria dos ministros José Carlos Moreira Alves, Ilmar Galvão e Sidney Sanches. Cada estado pode indicar nomes, que serão de livre escolha do presidente da República. De acordo com o presidente da Associação dos Magistrados, Roberto Portugal Bacellar, o Paraná possui profissionais gabaritados para ocupar uma dessas vagas.

“Por isso precisamos da mobilização de toda a sociedade para indicar esses nomes e intermediar junto ao presidente a escolha”, disse Bacellar. Para o presidente da Associação Paranaense dos Juízes Federais, Freidmann Wendpap, com a indicação de um paranaense para o STF o Paraná quer mostrar sua representatividade. “Acredito que essa mobilização é válida e bastante oportuna”, acrescentou. O único paranaense que ocupou um cargo de ministro do Supremo foi Ubaldino do Amaral, que nasceu na Lapa, em 1894.

O próximo encontro para a indicação de nomes irá acontecer dia 17 de março, com um almoço por adesão no Restaurante Madalozzo. As três indicações para as vagas no STF serão definidas até maio.

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

Seja o Primeiro a Comentar!


wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas