O Paraná será o primeiro estado do Brasil a estimular a produção de carros elétricos. Nessa quinta-feira (21), o governador Ratinho Junior assinou o projeto de lei que zera a alíquota de IPVA desse tipo de veículo. Além disso, o governo do estado pretende isentar o ICMS para a aquisição dos elétricos, mas a medida depende de aprovação do Conselho Nacional de Política Fazendária (Confaz).

+ Fique esperto! Perdeu as últimas notícias sobre segurança, esportes, celebridades e o resumo das novelas? Clique agora e se atualize com a Tribuna do Paraná!

De acordo com o governador, a proposta visa baratear o preço dos carros elétricos e reduzir o uso dos automóveis movidos à combustão, que são mais poluentes. “A ideia é diminuir cada vez mais o preço dos veículos elétricos e torná-los mais acessíveis à população. Estamos trabalhando antenados naquilo que o mundo vem fazendo. A busca de soluções sustentáveis é uma realidade com o uso de carros que poluem menos”, destacou Ratinho junior.

Segundo o governo, parte da tecnologia que propicia a circulação dos carros elétricos já existe no estado. São oito eletropostos na BR-277, ligando Paranaguá, no Litoral, a Foz do Iguaçu, no Oeste do Estado, que compõem a maior eletrovia do país. “A Copel faz parte desse processo porque acredita que este é o futuro da mobilidade urbana, não só para os carros de passeio, mas também no transporte público”, afirmou o presidente da companhia, Daniel Pimentel Slaviero.

Acúmulo de terra e areia em parque de Curitiba aumenta o risco de alagamentos