O vice-presidente da República, Michel Temer, disse hoje no Rio que a situação econômica do País é boa e que “o Brasil ainda pode comemorar”. Na avaliação dele, o governo soube controlar a inflação e a expectativa de aumento desse índice. “Eu acho que o Brasil ainda pode comemorar. Temos notícias do que acontece hoje na Europa e até, de maneira preocupante, nos Estados Unidos. Mas nós aqui estamos incólumes”, afirmou Temer, ao chegar na Associação Comercial do Rio para participar da comemoração dos 200 anos da entidade.

“O Brasil vive ainda uma fase de controle e de desenvolvimento”, disse. O vice-presidente minimizou a crise política do governo federal, agravada depois que tornaram-se públicas as denúncias de irregularidades no Ministério dos Transportes, que culminaram na demissão do então titular da pasta Alfredo Nascimento. Para ele, a base governamental “está muito sólida”.

“No Brasil, esses pequenos incidentes de natureza política são mais ou menos normais. Não se deve se impressionar, até porque eles passam e são superados muito rapidamente”, argumentou Temer. O vice-presidente ainda destacou o plano de combate à miséria e as ações de segurança pública nas fronteiras brasileiras como os dois principais avanços do governo Dilma Rousseff.