Líderes da oposição não compareceram à solenidade realizada no Congresso Nacional nesta terça-feira, 27, que contou com a presença da presidente Dilma Rousseff. Na cerimônia, a presidente recebeu o relatório de 18 meses de trabalho da Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) da Violência contra a Mulher. A sessão também homenageia os sete anos da criação da Lei Maria da Penha. Um dos poucos parlamentares da oposição presente no plenário do Senado foi o deputado Eduardo Azeredo (PSDB-MG).

A solenidade contou com a presença de vários ministros como Garibaldi Alves (Previdência Social), Gastão Vieira (Turismo), Miriam Belchior (Planejamento), Maria do Rosário (Direitos Humanos), Eleonora Menicucci (Secretaria Especial de Políticas para as Mulheres) e Luiza Bairros (Promoção da Igualdade Racial).