O ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, afirmou neste domingo (17) que não basta apenas policias na rua para combater a criminalidade. “Precisamos investir mais nos instrumentos e laboratórios científicos para elucidação de crimes. Segurança Pública não é só policial na rua, é também criminoso na cadeia”, escreveu o ministro em sua conta no Twitter.

Moro citou como exemplo uma iniciativa implantada no Tocantins para completar o projeto de Banco Nacional de Perfis Genéticos. O ministro reproduziu mensagem no Ministério da Justiça, do último dia 14, sobre a inauguração do Laboratório de Genética Forense do Instituto de Criminalística de Tocantis, em uma parceria entre os governos federal e estadual. “Investimento de R$ 1,5 mi do MJSP, que terá reflexo no fortalecimento da Rede Integrada de Bancos de Perfis Genéticos, ferramenta para elucidação de crimes”, postou Moro.

No sábado (16), o ministro foi às redes sociais para elogiar campanha desenvolvida em Maringá (PR), sua cidade natal, em defesa do ‘Pacote Anticrime’. “#PacoteAnticrime , em Maringá/PR, Av. Cerro Azul. Não poderia faltar o apoio da terra natal. Obrigado por tudo”, agradeceu  ao postar foto de um outdoor na cidade do Norte do Paraná  a favor da aprovação da medidas propostas por ele para combater o crimes violentos e a corrupção.

“Fuga da delegacia de Piraquara já era esperada”, diz advogada