A vice-prefeita Mirian Gonçalves assumiu interinamente a Prefeitura de Curitiba nesta sexta-feira (17). A transmissão do cargo ocorreu no início da tarde, em cerimônia no Palácio 29 de Março. A vice-prefeita substituirá o prefeito Gustavo Fruet até o dia 26, período em que ele estará no Japão, em viagem oficial para conhecer projetos nas áreas de meio ambiente e planejamento urbano.

Mirian Gonçalves é a primeira mulher a assumir a Prefeitura de Curitiba. A cerimônia de transmissão do cargo foi assistida por deputados federais, estaduais, vereadores e secretários municipais.

“É um ato simbólico, mas que marca um momento bonito da história de Curitiba. É a primeira vez, em 320 anos, que uma mulher assume, de direito e de fato, os destinos e a direção da capital do Paraná”, disse o prefeito Gustavo Fruet.

Mirian Gonçalves disse que o ato marca uma “quebra de paradigmas” na cidade. “É um momento importante para todos os que, como eu, lutam pela igualdade”, afirmou. “Tenho vivido com o Gustavo Fruet  todos os dias desta cidade, todos os compromissos, todos os percalços, as pequenas e grandes vitórias. Assim, esse período em que estarei no exercício do cargo de prefeita será uma continuidade.”

Primeira atividade

Logo após a transmissão de cargo, Mirian Gonçalves cumpriu a primeira agenda como prefeita interina de Curitiba: recebeu no gabinete  a ministra-chefe da Casa Civil, Gleisi Hoffmann.

“Fico muito feliz de ver a Mirian como a primeira mulher à frente da Prefeitura de Curitiba. É um momento histórico. Desejo-lhe muito sucesso nesse período como prefeita, com muita serenidade para fortalecer o trabalho que já está sendo realizado em Curitiba por ela e pelo prefeito Gustavo Fruet”, disse a ministra.

Também estiveram no gabinete o presidente da Itaipu Binacional, Jorge Samek, e secretários municipais.