O vice-presidente da República, José Alencar, já está sendo submetido a uma cirurgia para correção de uma obstrução intestinal. O procedimento começou na manhã deste sábado, no Hospital Sírio Libanês, em São Paulo.

O boletim médico divulgado ontem informava que o quadro clínico do vice-presidente era estável e que o sarcoma que causou a suboclusão intestinal estava respondendo ao tratamento. “Porém persiste o quadro de suboclusão intestinal para o qual foi indicado tratamento cirúrgico”, informa o boletim, assinado por diretores do hospital e médicos que acompanham o tratamento de Alencar.