O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso se mostrou disposto a ampliar o diálogo com o governo Luiz Inácio Lula da Silva, mas disse que a iniciativa tem de ser tomada por quem está no Poder. Durante a solenidade de comemoração dos 15 anos do Plano Real, no plenário do Senado, o líder do PT na Casa, Aloizio Mercadante (SP), defendeu uma conversa frequente entre Lula e FHC. “Quem pode dizer ‘vamos juntos’ não sou eu, é quem está por cima”, respondeu Fernando Henrique. “Quando estive por cima, eu tentei”, acrescentou, referindo-se às tentativas de diálogo com o PT durante seus dois mandatos.