Jane Cozzolino, ex-secretária municipal de Educação de Magé (RJ), foi condenada por improbidade administrativa, informou hoje o Ministério Público do Rio de Janeiro (MP-RJ). A irmã da ex-prefeita Núbia Cozzolino usou verbas do município em propaganda política com conotação de promoção pessoal.

As propagandas faziam referência ao nome de Jane, principalmente na Secretaria que ela ocupava. Jane ainda empregava verbas públicas para veicular matérias pessoais na imprensa oficial da prefeitura. A divulgação acontecia até em um bingo promovido com apoio da ex-secretária, onde eram distribuídos brindes como cestas básicas e eletrodomésticos.

De acordo com a condenação, Jane pode perder a função pública e ter suspensos os direitos políticos por dez anos. Ela ainda deverá pagar multa em favor do município no total de 50 vezes o valor de seus subsídios e está proibida de contratar com o Poder Público e de receber benefícios ou incentivos fiscais pelo prazo de cinco anos. Jane também deverá ressarcir o dano causado ao município integralmente em valores a serem apurados na fase de liquidação da sentença.