O candidato ao governo do Paraná Dr. Rosinha (PT) foi alvo de uma suposta bomba no Centro de Curitiba na tarde desta quinta-feira (13). Segundo postagem em suas redes sociais, o candidato circulava pelo calçadão da Rua XV de Novembro quando um manifestante não identificado teria atirado a bomba em sua direção.

De acordo com informações do candidato, ninguém se feriu na ação, caracterizada por ele como um ato de “intolerância”. “O candidato e sua campanha repudiam veementemente qualquer ato de violência que fere não apenas candidatos, mas também e sobretudo a democracia. Não é aceitável que, em pleno 2018, o ódio tenha se tornado o combustível da política”, diz a mensagem.

Em sabatina promovida pela Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUCPR), na noite desta quinta, Rosinha comentou a agressão que sofreu e afirmou que quem praticou o ato não tem argumentos para debater com ele. “Jogaram a bomba nas minhas pernas. Felizmente não aconteceu nada de grave. Há muita intolerância na questão ideológica. Esse pessoal não está acostumado a um debate ideológico e quando perde a argumentação, vai para a violência”, comentou.

+ APP da Tribuna: as notícias de Curitiba e região e do trio de ferro com muita agilidade e sem pesar na memória do seu celular. Baixe agora e experimente!

Agente de cadeia é preso em carro de luxo suspeito de facilitar fuga cinematográfica