enkontra.com
Fechar busca

Política

Discussão adia votação que extingue secretaria

  • Por Redação O Estado Do Paraná

A sessão de ontem na Câmara Municipal de Curitiba, que deveria votar o projeto da Prefeitura que põe fim à Secretaria Municipal da Criança, foi adiada para hoje, por causa de uma discussão entre vereadores e pela invasão do plenário. De acordo com o presidente da Casa, João Cláudio Derosso (PSDB), a sessão foi suspensa para preservar a integridade física dos vereadores que estavam no plenário. “Não tínhamos condições de legislar, e se prosseguíssemos poderíamos colocar em risco a integridade física dos vereadores”, afirmou.

Antes da sessão, a bancada de oposição (PT e PMDB), promoveu uma audiência pública para discutir o tema, em um hotel próximo à Câmara. Na hora da sessão, as entidades e fórum participantes da audiência seguiram até a Casa. “Fiz um acordo com o André Passos (PT) para distribuir senhas para a população. Elas foram divididas de acordo com o número de vereadores das bancadas. Com isso a situação ficou com cem convites e a oposição com cinqüenta. Mas eles tentaram entrar com mais pessoas, forçaram a porta da Câmara e adentraram no plenário à força”, contou Derosso.

“Eu não admito este tipo de atitude. Algumas pessoas estavam armadas de pedras e pau. Este é um fato que infelizmente faz parte da guerrilha do PT”, disse o presidente.

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

Seja o Primeiro a Comentar!


wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas