Durante a abertura do 4º Congresso Nacional do PT, na noite de hoje, quando o apresentador do evento chamava os ex-presidentes nacionais e os ministros do partido, o ex-ministro José Dirceu foi aclamado de pé pelos militantes. Dirceu foi recebido aos gritos de “Dirceu, guerreiro do povo brasileiro”.

Reportagem da revista Veja revelou, no último final de semana, que José Dirceu – apontado pelo procurador-geral da República como “chefe da quadrilha” do mensalão – mantém uma espécie de gabinete paralelo num hotel de luxo em Brasília, em que recebe ministros, senadores, deputados e até lideranças da oposição.

Compõem a mesa ao lado de Dirceu os ex-presidentes do PT José Genoino, o deputado federal Ricardo Berzoini (PT-SP), as ministras da Casa Civil, Gleisi Hoffmann, das Relações Institucionais, Ideli Salvatti, o ministro das Comunicações, Paulo Bernardo, e o presidente do PT, Ruy Falcão.