O presidente da Comissão Mista de Planos, Orçamentos Públicos e Fiscalização (CMO), senador Vital do Rêgo (PMDB-PB), disse hoje que vai colocar amanhã em votação um requerimento para ouvir o ministro da Fazenda, Guido Mantega. Rêgo informou que há cerca de seis meses existe na comissão um pedido de sua autoria para chamar Mantega ao Congresso. O assunto inicial seria a influência da crise econômica internacional no Brasil.

Na ocasião em que apresentou o convite, Vital disse ter telefonado para Mantega para falar sobre o tema. Na ocasião, o ministro teria concordado com a ideia. Mas, segundo o parlamentar, por causa das atribuições com a tramitação e aprovação do Orçamento de 2012, não foi votado o convite do ministro da Fazenda à CMO.

Vital afirmou que “pessoalmente” não chamaria o ministro se fosse apenas pelo caso envolvendo a nomeação e demissão do ex-presidente da Casa da Moeda Luiz Felipe Denucci. Mas, segundo o senador, é possível rediscutir o orçamento porque haverá um ingresso de R$ 24 bilhões com a privatização dos aeroportos e um aporte bilionário com o futuro leilão 4G.

O parlamentar avalia que esses recursos podem ser direcionados para as emendas dos parlamentares, que foram contingenciadas pelo governo. “Por esse fim (caso Mantega-Denucci), pessoalmente eu não chamaria. Mas não vejo dificuldades de ele vir”, disse Vital, que pretende marcar o depoimento, se aprovado, o “mais rápido” possível.