O ex-deputado Roberto Jefferson, de 62 anos, permanece internado no Hospital Samaritano, na Barra da Tijuca, zona oeste do Rio de Janeiro. Delator do mensalão, o ex-parlamentar foi submetido na quinta-feira, 7 a uma cirurgia para a “reconstrução do trânsito gástrico”. O estado de saúde de Jefferson é estável, de acordo com o boletim médico divulgado nesta sexta-feira. Ele deve ficar internado por dez dias.

O procedimento cirúrgico foi realizado para corrigir um problema nas alças do intestino decorrente de outra operação, feita em 17 de novembro do ano passado. Em 2012, Jefferson descobriu um tumor maligno no pâncreas e teve o órgão retirado, além de parte do estômago, duodeno e parte do canal biliar.

O ex-deputado ainda tem hipertensão e diabetes e já havia se submetido a uma cirurgia de redução de estômago, indicada por conta da obesidade mórbida.

Jefferson está solto desde maio de 2015, após cumprir em regime fechado 14 meses dos sete anos aos quais foi condenado no caso do mensalão, pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro. Ele foi liberado pelo Supremo Tribunal Federal (STF) para cumprir pena em prisão domiciliar.