O ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, determinou nesta segunda-feira à Polícia Federal (PF) a abertura de inquérito para investigar o monitoramento de comunicações brasileiras pelos Estados Unidos e suposta espionagem dos EUA no Brasil. O pedido de investigação partiu do ministro das Comunicações, Paulo Bernardo, e foi encaminhado ao Ministério da Justiça. O objetivo é que se apurem as ações de inteligência que tenham ofendido o “quadro legal brasileiro”.

Reportagens do jornal “O Globo” afirmam que Agência de Segurança Nacional dos Estados Unidos (NSA, na sigla em inglês), monitorou, na última década, milhões de telefonemas e correspondência eletrônicas de pessoas residentes ou em trânsito no Brasil. A informação foi revelada pelo ex-analista da NSA Edward Snowden. De acordo com o texto, o País aparece em destaque nos mapas da NSA como prioridade no tráfego de telefonia e dados, ao lado da China, Rússia, Irã e Paquistão.