A Polícia Civil de Tupã, a 524 km a noroeste de São Paulo, investiga o desaparecimento do piloto de avião Valdir Guarezi, 66, ocorrido no dia 18, após decolagem do aeroporto na cidade de Marília (444 km a noroeste de São Paulo).

De acordo com o delegado seccional de Tupã, José Osinski Júnior, o piloto saiu de Marília com destino a Tupã –onde pousou com um avião monomotor prefixo PP-ISL– para transportar dois homens.

No mesmo dia, a aeronave fez um pouso forçado em um aeroporto na cidade de Goioerê (525 km de Curitiba). Após a aterrissagem na cidade paranaense, o piloto manteve contato uma vez com a família. Sua volta estava prevista pelos familiares para o dia 19.

Para a polícia, o desaparecimento do piloto aconteceu em razão de uma tentativa de roubo da aeronave pelos dois homens que embarcaram em Marília. O avião também está desaparecido.