Brasília – A Polícia Civil do Distrito Federal fez nesta sexta-feira (13) um balanço dos trabalhos de identificação das vítimas da queda do Boeing 737-800 da companhia aérea Gol, que fazia o vôo 1907 no dia 29 de setembro. Até o momento, os médicos legistas e peritos da instituição comprovaram a identidade de 144 corpos: 127 foram identificados pelas impressões digitais, 13 por características físicas (método antropológico) e quatro, de crianças, por exames de DNA.

Outros cinco corpos que estão no Instituto de Medicina Legal (IML) serão submetidos a perícia antropológica, já que não puderam ser identificados pelas impressões digitais devido ao avançado estado de decomposição. De acordo com o chefe da seção de antropologia forense da Polícia Civil, Malthus Fonseca Galvão, não existe prazo para a identificação destes corpos: ?Os casos são complexos, não posso determinar com precisão o tempo necessário para realizar esse trabalho?.

O diretor do IML, José Flávio Bezerra, disse ter sido informado nesta sexta-feira de que mais um corpo de mulher foi encontrado na área onde caiu o avião. Com isso, ainda faltam ser encontrados quatro corpos de vítimas do acidente.

?Os corpos que chegaram ao IML estavam inteiros, em sua maioria, apesar de fraturados e decompostos?, afirmou Bezerra. Caso partes mutiladas de uma vítima sejam encontradas a partir de agora, acrescentou, a família vai poder enterrá-las junto com o corpo já liberado pelo instituto. Se preferir, a família poderá deixa-las com a Polícia Civil, que se encarregará de cremá-las.

?Essa opção dada às famílias foi discutida com o Ministério Público e está de acordo com a sensibilidade exigida pelo momento?, disse o diretor. Até esta sexta-feira, 134 corpos foram retirados do IML por familiares.

O Boeing da Gol caiu em uma área de floresta, no norte de Mato Grosso. Morreram todas as 154 pessoas que estavam a bordo. A queda foi ocasionada por uma colisão, em pleno vôo, com um jato Legacy, fabricado pela Embraer (Empresa Brasileira de Aeronáutica). Os ocupantes do jato não se feriram. As causas do acidente estão sendo investigadas.

Veja a seguir os nomes das pessoas identificadas nesta sexta-feira:

1.    RAFAEL BRASIL DE ALMEIDA BARRETO, 29 anos, GO;

2.    VANESSA ALEXANDRA COLI, 27 anos, SP;

3.    QUÉZIA GONÇALVES MOREIRA, 21 anos, RJ;

4.    AGAMENON MOREIRA DE ARAÚJO, 33 anos, GO.