A prefeitura de Curitiba alega que realizou audiência pública com os moradores do Pilarzinho, no dia 27 de maio último, e o projeto do novo terminal foi bem recebido pelos moradores. Segundo estimativa da prefeitura, o novo terminal vai beneficiar cerca de 30 mil usuários por dia na região. Será construído entre as ruas Amauri Lange Silvério e Hugo Simas, próximo à Cruz do Pilarzinho.

O equipamento terá 14 plataformas e duas estações-tubo e vai atender as linhas Interbairros, Direta (Ligeirinho), Madrugueiro, Expresso e Alimentador. De acordo com o supervisor de implantação do Ippuc, Edson Seidel, que apresentou o projeto aos moradores, a grande vantagem é a ligação com ônibus da Rede Integrada de Transporte (RIT), com o pagamento de uma só tarifa. 

No terminal do Pilarzinho, o investimento previsto será de U$ 895 mil, com recursos do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), mais R$ 280 mil em desapropriação de imóveis localizados na área do terminal. As linhas de ônibus que devem atender ao terminal são as seguintes: Fredolin Wolf, Raposo Tavares, Jardim Kosmos, Bracatinga, Primavera, Bom Retiro/PUC, Mateus Leme, Santa Felicidade/Santa Cândida, Júlio Graff, Tanguá e Vila Marta.